Deus é fiel… mas não é surdo

Se tem uma coisa que ocupa o tempo das autoridades municipais responsáveis pelo meio ambiente é o eterno conflito provocado pelo som alto de igrejas evangélicas em prejuízo do sossego dos vizinhos.

Os que cuidam da coordenação política terminam também tendo que entrar nas diversas questões, posto que os evangélicos possuem representação política e contam com vereadores que advogam o direito das igrejas pregarem o evangelho.

Todo gestor municipal já sabe de cor e salteado os argumentos da defesa contra a ação dos funcionários do meio ambiente.

“Isto é perseguição religiosa, vedada pela Constituição” e “Por que não fecham os bares que colocam o som alto?”, são dois chavões.

Alguns conflitos evoluem e a briga fica feia.

Certa vez, um desses conflitos foi intermediado, com competência, por um articulador político. Finda uma ampla reunião, pastores, vereadores, autoridades do meio ambiente e moradores chegaram a um acordo, com o compromisso de que o som ficaria abaixo do limite.

Dias depois, pra tristeza do articulador, voltaram todos. Só que agora as reclamações eram dos moradores contra os pastores e dos pastores contra os moradores.

“Secretário, o som agora está mais alto”, disseram os moradores, ao que os pastores responderam “Mais uma vez está havendo intolerância religiosa, Secretário, e desta vez até picharam a parede da Igreja”.

Estabeleceu-se um bate boca, até que o secretário bateu na mesa e quis saber sobre a pichação.Os moradores explicaram que não sabiam quem tinha feito. O secretário quis saber o teor, recebeu a explicação:

“Secretário, o nome da igreja é DEUS É FIEL. E picharam do lado, MAS NÃO É SURDO.”

Gargalhada geral.

2 comments

  1. SARAFA, TEM MUITA IGREJA QUE INCOMODA PELO BARULHO, MAS NÃO É SÓ IGREJA NÃO, O QUE TEM DE CASA DE SHOW E OUTRAS POTROCAS MAIS, QUE ASSOMBRAM NOSSOS OUVIDOS, “NÃO ESTÁ NA HISTÓRIA”.OU SEJA, NÃO PODEMOS ACUSAR SOMENTE ALGUMAS IGREJAS POR ISSO, POR QUE ESTA PARECENDO BEM TENDENCIOSA A IDÉIA DE QUE ELAS SOMENTE SÃO AS CAUSADORAS DOS BARULHOS EM GERAL E QUE NÃO EXISTE UM NÚMERO ALTISSIMO DE INFERNINHOS QUE PRATICAM UMA BAGACEIRA NOS OUVIDOS, OU SEJA, “UM BARULHO É POUCO”.

    O MAIS IMPORTANTE É A SEMMA CAIR EM CIMA DE IGREJAS, CASAS DE SHOW, VISINHOS E QUALQUER OUTRA POTROCA QUE OBSTRUA NOSSOS OUVIDOS COM BARULHO.

    ABRAÇOS, E VOLTA LOGO!!!

  2. Tem que ter isonomia entre as partes, senão fica naquele: “mas ele faz também…” e nunca ninguém sai do lugar.
    Bem, mas esses seus “causos” são muito legais, continua assim serafim!

Comments are closed.