Professora Marilene Corrêa é homenageada com a Medalha do Mérito Educacional

A professora e pesquisadora Marilene Corrêa, da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), foi homenageada com a Medalha do Mérito Educacional Professora Ignês Vasconcelos Dias, na tarde desta quarta-feira, 16, na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), cuja indicação é do deputado Serafim Corrêa (PSB).

Para Serafim, a homenagem à Marilene Corrêa é mais do que merecida pelos relevantes serviços prestados à Educação no Estado.

“A professora tem toda uma vida dedicada à Educação. Ela é professora há mais de 40 anos e tem uma ótima formação. Foi reitora da Universidade Estadual do Amazonas (UEA), a quem deu grande contribuição e que dedica a sua vida a formar gerações. Entendo que ela é uma pessoa que simboliza a homenagem a tantas outras professoras. Para completar, ela é titular da cadeira 24 da Academia Amazonense de Letras (AAL)”, disse o deputado.

A professora, que tem pós-doutorado em Ciências Sociais na França, afirmou receber a homenagem com muita alegria.

“Recebo com muita satisfação. São 40 anos no magistério superior exercendo funções plena de ensino, pesquisa e extensão. São muitos estudantes, bacharéis e doutores formados”, disse a homenageada.

Marilene Corrêa disse que o professor tem a responsabilidade de educar e encaminhar o aluno para superar os desequilíbrios da sociedade.

“O professor auxilia na percepção dos tempos de crise, de mudança; em reconhecer talentos e necessidades; em orientar para superar os desequilíbrios e não desperdiçar oportunidades. Integrar a educação na mudança positiva significa fortalecer o aluno e seu entorno para resistir ao caminho mais frequente que é o da marginalização. Ou seja, ter compromisso com a alteração do meio, também. Encaminhá-lo ao caminho da ciência”, afirmou a professora.

Texto: Luana Dávila

Foto: Marcelo Araújo