Justiça condena Correio Amazonense a indenizar coronel Franz Alcântara

O extinto jornal Correio Amazonense foi condenado a pagar R$ 100 mil reais de indenização por danos morais ao Coronel Franz Alcântara. As ofensas ocorreram no ano de 2006. A decisão de primeira instancia saiu em maio de 2007. O jornal recorreu ao Tribunal de Justiça do Amazonas e perdeu outra vez. Foi, então, ao Superior Tribunal de Justiça que confirmou a decisão. Clique aqui para ver a decisão do STJ.

Embora o jornal não exista mais, a empresa proprietária é a Editora Novo Tempo Ltda. que continua existindo e tem sede no Aleixo, bem próximo do Tribunal de Justiça do Amazonas.

Conheça um pouco a história do extinto jornal Correio Amazonense lendo a íntegra do recurso ao Tribunal Superior Eleitoral pelo Ministério Público Eleitoral no Amazonas. Clique nos links abaixo:

3 comments

  1. Dr. Serafin

    Tenho 39 anos e conheço seu carater, homem honrado e justo, desde a epoca em que eu trabalhava na area contabil, quando vossa senhoria trabalha lá no oitavo andar da DRF em Manaus, Sempre fui seu fã, e sempre votei no senjor desde que cheguei a Manaus.

    No entanto, queria entender, o que aconteceu? por que Manaus ficou tão esburacada e meio que abandonada? faltou recursos, não havia planejamento? ou foi realmente problemas administrativos.

    Mesmo a despeito disso, sempre serei seu eleitor, pis o admiro muito….

    Abraços

    Adilson Betcel
    advogado

  2. Enfim a justiça neste pais prevaleceu, tarda mais não falha. Corrigindo uma grande injustiça cometida contra uma grande homem que dirigiu uma instituição nobre como é o Corpo de Bombeiros do Estado do Amazonas com dedicação e respeito ao povo e aos seus comandados, administrando com zelo e honestidade os parcos recursos da instituição.
    João luiz Bradão de alencar, Arraial do Cabo, Rio de Janeiro.

  3. a dignidade prevaleceu mais e pena que o estado do amazonas nao conta mais com este maravilhosso ser humano que administrava o corpo de bombeiros com dedicacao amor e respeito ao povo amozonence e que estas pessoas que o caluniaram tambem seja punidos pela total falta de etica respeito talvez poe isto o jornal ja nao exista mais

Comments are closed.