Juros: Perdemos o campeonato. Que bom!

O COPOM do Banco Central reduziu a taxa SELIC de 11,25% para 10,25%. A redução ocorreu dentro do esperado pelo mercado.

Com isso o Brasil deixa de ser o país campeão das taxas de juros. Em termos nominais, ou seja, com a inflação embutida, ficamos em quarto lugar. Venezuela, Islândia e Rússia estão na nossa frente. Já em termos reais, com a inflação excluída, estamos atrás da China e da Hungria.

Clique aqui e saiba mais na Folha Online-Dinheiro.

2 comments

  1. Nas últimas 03 décadas o Estado brasileiro quebrou diversas vezes, com calotes e moratórias ,que refletem até hoje nas elevadas taxas de juros que temos que pagar para financiarmos a dívida pública.
    Contribui também o Estado glutão brasileiro que se endivida além da conta e gasta mal os seus recursos.
    Avançamos muito com a medidas racionais tomadas no governo FHC ( metas de inflação e superavit primário , principalmente) para atingirmos este patamar histórico : 10,25% , a menor taxa da história.
    Agora não temos mais muita gordura para queimar . Taxas consistentes de 01 dígito , passa obrigatoriamente pela reforma do Estado brasileiro.
    Coisa para o próximo presidente.
    forte abraço.

  2. Esse Samuel Carvalho parece que torce pelos JUROS ALTOS . O próximo presidente só depois de 19 meses .
    Acorda Samuel Carvalho ! A taxa tem que baixar ,de novo,nos 20 dias vindouros senão o LULA não emplaca a DILMINHA .
    A reforma vai ser no ESTADO DE COMA .

Comments are closed.