Serafim denuncia descarte irregular de lixo hospitalar em Codajás

Moradores de Codajás denunciaram ao deputado estadual Serafim Corrêa (PSB) que servidores da unidade fluvial de saúde do município vem realizando o descarte irregular de lixo hospitalar diretamente nas águas do rio Solimões

“Quero trazer especificamente uma denúncia apresentada por moradores de Codajás, que considero muito grave. Codajás tem uma UBS Fluvial (UBS Fluvial João da Silva Bastos) e, de acordo com a denúncia, estava jogando de anteontem (terça-feira, 16) para ontem (quarta-feira, 17) o seu lixo, portanto, um lixo hospitalar, diretamente no rio. Isso é um crime, isso não pode acontecer”, disse Serafim.

A declaração do parlamentar foi dada durante discurso na sessão virtual da ALE-AM (Assembleia Legislativa do Estado).

“Estou trazendo isso para o conhecimento da Assembleia Legislativa do Estado, porque é preciso que sejamos agentes propagadores de boas práticas ambientais. Neste caso denunciado, uma UBS Fluvial que tem a obrigação de levar saúde, está levando doença, está matando não apenas o rio e, pior, vai matar pessoas também porque estará contaminando a água”, alertou o deputado.

O município de Codajás é administrado por Abraão Lincoln. “Essa denúncia merece ser investigada pelo prefeito Abraão Lincoln, que tenho todo respeito e que talvez esteja sendo prejudicado por um funcionário da área da saúde de sua própria administração”, falou o líder do PSB na ALE-AM.