2017: um ano que foi bom para as finanças do Amazonas

2017: um ano que foi bom para as finanças do Amazonas

Por Serafim Corrêa

Apesar de atípico, três governadores em doze meses, 2017 foi um ano muito bom para as finanças estaduais.
A Receita prevista era de R$ 14.680.579.000,00, mas foi R$ 15.508.115.363,30, portanto R$ 827.000.000,00 (oitocentos e vinte e sete milhões de reais) além do estimado.
O governo empenhou – gastou – R$ 14.744.380.130,95, portanto guardou R$ 764.000.000,00 (setecentos e sessenta e quatro milhões) correspondente à diferença entre o que arrecadou e o que gastou.
Nos próximos dias vou resgatar a série histórica para ver a evolução dos gastos dos poderes e órgãos.