Falta luz, sobra propaganda

Em se tratando de energia elétrica, o Amazonas sempre teve grandes problemas. No interior, essa dificuldade é latente e é impressionante o conformismo notado em alguns momentos.

Em Manaus, vivemos épocas em que o racionamento foi regra causando inúmeros prejuízos a ZFM e a sociedade como um todo.

Após vários anos de uma administração que gerava prejuízos à Eletrobrás o governo federal resolveu levar todo o gerenciamento de nosso estado para uma diretoria no Rio de Janeiro. Durante as discussões, não foram raras as insinuações de que o prejuízo gerado na Manaus Energia era a sangria da corrupção que assolava, e continua assolando, inúmeras instituições públicas em nosso estado.

Fizemos vários apelos para que a gerência de tudo continuasse em nosso estado, inclusive pedimos a demissão de todos os diretores da Manaus Energia, TODOS nomeados por critérios políticos e NENHUM por minha indicação.

Perdemos! E o gerenciamento deixou de ser feito no estado. Hoje, acompanhamos perplexos os constantes apagões que acontecem na cidade de Manaus e vem causando prejuízos enormes a toda a sociedade.

Ninguém agüenta mais tamanho descaso e incompetência por parte do governo federal no quesito sistema energético no Amazonas. A sociedade cansou, grita, mas parece não ser ouvida pelas autoridades e cabe a mim, enquanto parlamentar federal convocar as autoridades para apresentarem as suas explicações acerca desses fatos.

Por outro lado, a Amazonas Energia, nunca foi tão eficiente no quesito propaganda. Enquanto falta luz de um lado da cidade, o outro assiste a bem produzida propaganda na TV que pinta um mundo que só existe para eles, porque para, nós cidadãos, o que fica são os constantes apagões.

Até quinta!

VASCO: apenas três vitórias nos separam do lugar de onde nunca devíamos ter saído que é a elite do futebol brasileiro. Parabéns Dinamite! Parabéns Vascão!

Marcelo Serafim é deputado federal PSB/AM e farmacêutico. Fone: 32382835 e [email protected]

Deixe uma resposta