As dívidas de Serafim e as mentiras de Amazonino

A maioria das pessoas pode ter esquecido, mas é importante lembrar os primeiros dias de Amazonino frente à Prefeitura. Logo no inicio, Amazonino falava aos quatro cantos de Manaus que recebera uma prefeitura arrasada e que as dividas deixadas por Serafim matariam o seu primeiro ano de administração.

O que Amazonino fazia naquele momento era tirar um seguro futuro para justificar o não cumprimento de suas promessas, que ele já sabia que não teria como cumprir. Amazonino agia de forma desonesta e desleal, mas não podíamos esperar coisa diferente de alguém como ele.

Todas as afirmações mentirosas nós rebatemos com dureza, mas Amazonino continuava usando sua tática nazista para fazer valer a sua verdade. Serafim reagiu, e pediu ao Tribunal de Contas do Estado que fizesse uma devassa em suas contas e apresentasse um relatório do quadro real da prefeitura. Serafim, que sempre foi responsável com as contas da prefeitura, tinha deixado dinheiro em caixa para ser usado por Amazonino.

Tanto que o TCE, na primeira analise, disse que Serafim falava a verdade, que não existiam as dívidas e que havia recursos em caixa. Na última quinta-feira, o TCE aprovou por unanimidade as contas de Serafim Corrêa. Aliás, o único prefeito da história de Manaus a ter todas as suas contas aprovadas no primeiro ano subseqüente à sua saída.

Amazonino mentiu e continua mentindo. Lembram do Bolsa Família municipal? Pois bem, aquele dinheirinho que as pessoas menos favorecidas receberiam da Prefeitura de Manaus graças à bondade de Amazonino, não saiu e nem vai sair. Amazonino vai se resguardar na lei eleitoral para dizer que não pode dar nenhum benefício novo em ano de eleição. O Bolsa Família municipal só poderia ser dado em 2010 se ele já estivesse sendo dado em 2009. Agora é esperar 2011 e torcer para que Amazonino seja candidato a reeleição, caso contrário, esquece, Manaus, que nada será cumprido.

Até quinta!

Marcelo Serafim é farmacêutico e deputado Federal pelo PSB. Contatos: [email protected], twitter.com/deputadomarcelo e fone:32322835

Deixe uma resposta